Universo da Notícia

Com elenco cinco vezes mais caro, Atlético-MG terá forte teste contra o jovem time do Defensor

Cazares é o mais bem avaliado do Atlético-MG, e média de idade do Galo é cinco anos maior que a dos uruguaios.

Semifinalista em 2017, o Barcelona-EQU ganhou os dois jogos do Defensor, mas por conta de uma erro da diretoria na inscrição do meia Sebastián Pérez, os uruguaios acabaram avançando para a terceira fase da Copa Libertadores. O jovem time do Defensor medirá forças com o Atlético-MG nas duas próximas quartas-feiras. Muitos consideravam o Barcelona um adversário mais complicado, mas certo que o Defensor, mesmo tendo um elenco bem mais desvalorizado e jovem que o Galo, dará muito trabalho aos atleticanos nesta fase.

O milionário elenco do Atlético-MG custa cinco vezes mais que o do Defensor. De acordo com o site TransferMarket, especializado no assunto, o elenco alvinegro vale quase 40 milhões de euros (R$ 167,2 milhões), enquanto o plantel do El Violeta vale 7,5 milhões de euros (R$ 31,7 milhões). O jogador mais caro do Galo, por exemplo, é Cazares, que vale R$ 18,8 milhões, enquanto o do Defensor é o lateral-direito Emilio Zeballos, que vale R$ 3,7 milhões.

Além dessa grande diferença no valor das equipes, outro fator bem distinto é a idade dos elencos. O time do Defensor que entrou em campo contra o Barcelona, no segundo jogo, tinha média de idade de 25,3 anos, com apenas dois jogadores com mais de 30 anos.

 Do lado atleticano, a média de idade da equipe que derrotou o Danubio é de 30,8 anos, com seis atletas que passaram dos 30 anos: Victor, Fábio Santos, Réver, Adilson, Elias e Ricardo Oliveira.

Mais experiência neste momento pode jogar a favor do Galo. Para Ricardo Oliveira, que é um dos artilheiros da Libertadores, com quatro gols marcados em dois jogos, ter um time "cascudo" pode fazer a diferença, desde que o fator seja bem administrado em campo pelo Atlético-MG.

 

"Pesa muito. Acho que nós temos jogadores cascudos. Uma mescla de jogadores experientes com jogadores mais jovens. O peso da nossa camisa, da tradição do Atlético, da exigência do nosso torcedor... Isso conta, sem sombra de dúvidas" - Ricardo Oliveira

- Precisamos administrar isso, sem trazer uma sobrecarga para nós, porque é Libertadores, e Libertadores é sempre muito complicado. Independentemente se o time do Defensor é mais jovem, mas o Danubio também era, e olha a dificuldade que eles nos deram. O time do Defensor tem todo o nosso respeito, mas assumimos isso para poder passar para outra fase e entrar na fase de grupos - completou o camisa 9 do Galo.

O primeiro duelo entre Defensor x Atlético-MG será nesta quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), no Estádio Luis Franzini, em Montevidéu, no Uruguai. O jogo de volta será na próxima quarta-feira, dia 27, no mesmo horário, em Belo Horizonte. Se passar pelos uruguaios, o Galo entrará no Grupo E da Libertadores, que já tem Nacional-URU, Cerro Porteño-PAR e Zamora-VEN.

 

Fonte

GloEsporte
  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

Parceiros

Veja também

Copagril goleia o Toledo no último jogo-treino antes da estreia no Campeonato Paranaense
20Mar

Copagril goleia o Toledo no último jogo-treino antes da estreia no Campeonato Paranaense

A AACC Copagril inicia sua participação na competição estadual no dia 22 de março.

Campeonato Municipal de Futebol de Campo terá abertura com clássico do interior
20Mar

Campeonato Municipal de Futebol de Campo terá abertura com clássico do interior

A competição começa dia 23 para os veteranos e 24 para as categorias Sub-20 e Livre.

Veja os gols do Athletico na vitória sobre o Jorge Wilstermann
20Mar

Veja os gols do Athletico na vitória sobre o Jorge Wilstermann

Furacão venceu a partida por 4x0 e assumiu a vice- liderança do grupo.

Análise: Éverton Ribeiro eleva o nível e comanda melhor atuação do Flamengo no ano
20Mar

Análise: Éverton Ribeiro eleva o nível e comanda melhor atuação do Flamengo no ano

Camisa 7 encarra discussão de lado de campo com muita movimentação, abertura de espaços e passes decisivos.

Publicidade