Universo da Notícia

Sobis herda posição e tem missão de substituir Guerrero no Inter; veja o que muda no time

Equipe de Odair tem dois jogos pela frente até a parada da Copa América sem o seu goleador, convocado pela seleção peruana.

Paolo Guerrero precisou de 13 jogos e menos de dois meses na ativa para deslanchar com protagonismo imediato no InterO centroavante já é o artilheiro isolado da equipe, com nove gols, e deixa uma lacuna difícil de ser preenchida ao se "despedir" para a disputa da Copa América.

Cabe a Rafael Sobis a missão de substituí-lo e evitar que o torcedor sinta saudades do goleador nos dois jogos restantes até a parada no calendário – Vasco (fora, nesta sexta-feira) e Bahia (casa, em 12/06). A responsabilidade tende a ser assimilada com naturalidade pelo atacante, ídolo bicampeão da América em 2006 e 2010. Mas demanda ajustes na maneira de jogar.

 

A escolha pelo camisa 23 é recorrente na equipe quando o peruano não está à disposição. E foi praticamente confirmada por Odair Hellmann após a vitória por 2 a 0 sobre o Avaí, no último domingo, no Beira-Rio, até para evitar especulações durante a semana.

Além da idolatria pelo protagonismo das passagens anteriores, Sobis leva como trunfo os números pela equipe na temporada. Ele já marcou quatro gols e é o líder do elenco em assistências, com cinco passes para gol em 20 jogos.

– Eu estou bem. Já mostrei isso. Meus números são bons, pouco tempo em campo, estou mostrando que meus números são maravilhosos. E agora, talvez com oportunidade, fazer com que esses números melhorem. Vou encarar igual como encarei todos os jogos. O time está bem, é mais fácil entrar em um time que está bem. Tomara que possa ajudar em campo, como ajudei em outros momentos – disse o atacante, em evento na noite desta segunda-feira.

 

 

Sobis pelo Inter em 2019

 

 

  • 20 jogos
  • 8 jogos como titular
  • 4 gols
  • 5 assistências
  • 870 minutos em campo

 Mudança de característica

 A entrada de Sobis obriga o Inter a se adaptar a um estilo diferente de movimentação e posicionamento para a função. Camisa 9 "clássico", Guerrero é válvula de escape para a defesa com bolas pelo alto para fazer a parede e manter a posse na força. O centroavante também dá mais profundidade para empurrar os rivais para mais próximo do gol.

Rafael Sobis, por sua vez, é opção de menor estatura – apesar de manter o nível de força para segurar a defesa rival. Os passes para ele têm de ser preferencialmente pelo chão.

Além disso, Sobis tem mais mobilidade que Guerrero. Costuma sair da área para atuar entre o volante e a dupla de zaga e abrir espaço para a chegada dos companheiros. Assim, ele muda a exigência para os extremas. Os jogadores de lado têm de entrar em diagonal e atacar o espaço deixado por ele dentro da área em vez de ir à linha de fundo buscar cruzamentos.

 
Escalação do Inter com Rafael Sobis na vaga de Guerrero — Foto: GloboEsporte.com

Escalação do Inter com Rafael Sobis na vaga de Guerrero — Foto: GloboEsporte.com

Este tipo de movimentação também pode acarretar em uma adaptação para encaixe com D'Alessandro. O gringo é quem atua centralizado no 4-2-3-1, em uma faixa de campo que pode ser ocupada também por Sobis.

 

Assim, é possível até que o Inter retome o 4-1-4-1. Ao menos, para enfrentar o Vasco na próxima sexta-feira, às 20h, em São Januário, pela 8ª rodada do Brasileirão. O esquema é o habitual nos jogos fora de casa.

– O Sobis tem imposição também. Busca o confronto na bola disputada, mas não é a principal dele. Você precisa trabalhar mais no chão. Ele sai para jogar, circula às costas dos volantes. Aí, tem a movimentação da equipe, outros jogadores ocupam e precisam pisar na área. Ele tem boa finalização de fora da área. Não é a mesma característica, mas buscaremos usar para potencializar – diz Odair.

> Jogos do Inter sem Guerrero

  • 07/06 (20h30) - Vasco x Inter - São Januário - 8ª rodada do Brasileirão
  • 12/06 (21h30) - Inter x Bahia - Beira-Rio - 9ª rodada do Brasileirão

 Caso, o treinador opte por retomar a característica de Guerrero, encontra em Pedro Lucas, Jonatan Alvez e Santiago Tréllezalternativas em seu elenco. William Pottker e Guilherme Paredetambém já atuaram centralizados – o camisa 99, inclusive pelo Inter –, mas são opções habituais para o lado do campo.

Odair começa a definir a escalação da equipe nesta terça-feira, na reapresentação do elenco para treinamentos. Inter e Vasco se enfrentam às 20h da sexta-feira, em São Januário, pela 8ª rodada do Brasileirão.

 

Fonte

Globoesporte
  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

Parceiros

Veja também

Jogando em casa, Cascavel vence o Toledo pela Série Ouro
04Ago

Jogando em casa, Cascavel vence o Toledo pela Série Ouro

Os anfitriões sairam na frente e após ceder o empate, conseguiram chegar à vitória.

Futsal masculino de Santa Helena está entre as melhores da fase regional dos Jep's
04Ago

Futsal masculino de Santa Helena está entre as melhores da fase regional dos Jep's

Com duas vitórias, a equipe da Escola Estadual Graciliano Ramos ja está classificada.

Copa Feminina: rodada define primeiras classificadas para as oitavas
04Ago

Copa Feminina: rodada define primeiras classificadas para as oitavas

Noruega, Nigéria, Espanha e China lutam para avançar no Mundial.

Flamengo vence o Corinthians de novo e avança na Copa do Brasil
04Ago

Flamengo vence o Corinthians de novo e avança na Copa do Brasil

Com gol de Rodrigo Caio na reta final do jogo, Rubro-Negro derrota o Timão no Maracanã e vai às quartas de final; na...

Publicidade