Universo da Notícia

Governo permite que motoristas com carteira vencida possam dirigir

Fica interrompido também o prazo para identificação de condutor infrator.

teste

Erro na Linha: #331 :: Undefined variable: publicidadePost
/home/universodanotici/public_html/themes/news_2018/noticia.php

Erro na Linha: #332 :: Undefined variable: publicidadePost
/home/universodanotici/public_html/themes/news_2018/noticia.php

O governo suspendeu, por tempo indeterminado, os prazos para que o motorista possa dirigir com a carteira nacional de habilitação (CNH) vencida a partir de 19 de fevereiro. A determinação também é válida para quem possui a Permissão de Dirigir (PPD). A medida consta em normativa publicada pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) no Diário Oficial da União de quinta-feira (19).

O objetivo é evitar aglomerações nos Detrans, devido à pandemia no novo coronavírus. A normativa estabelece também que o prazo para conclusão do processo de habilitação passou de 12 para 18 meses. Prazos para defesa de autuação, recursos de multa, defesa processual, recursos de suspensão de direito de dirigir e cassação do documento de habilitação ficam interrompidos por tempo indeterminado.

Fica interrompido também o prazo para identificação de condutor infrator.

 

Fonte

Gazeta do Povo
  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

Governo permite que motoristas com carteira vencida possam dirigir

Gazeta do Povo

O governo suspendeu, por tempo indeterminado, os prazos para que o motorista possa dirigir com a carteira nacional de habilitação (CNH) vencida a partir de 19 de fevereiro. A determinação também é válida para quem possui a Permissão de Dirigir (PPD). A medida consta em normativa publicada pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) no Diário Oficial da União de quinta-feira (19).

O objetivo é evitar aglomerações nos Detrans, devido à pandemia no novo coronavírus. A normativa estabelece também que o prazo para conclusão do processo de habilitação passou de 12 para 18 meses. Prazos para defesa de autuação, recursos de multa, defesa processual, recursos de suspensão de direito de dirigir e cassação do documento de habilitação ficam interrompidos por tempo indeterminado.

Fica interrompido também o prazo para identificação de condutor infrator.

 

Parceiros

Publicidade