Universo da Notícia - Sua fonte de notícias na cidade de Santa Helena

Quinta-feira, 18 de Julho de 2024

Notícias Policial

Homem é preso pela PF com diversos arquivos de abuso infanto- juvenil armazenados

Prisão foi efetuada durante cumprimento de mandado de busca e apreensão. No local ainda foram encontradas cédulas falsas.

Homem é preso pela PF com diversos arquivos de abuso infanto- juvenil armazenados
Divulgação PF
Imagens
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

No início da manhã desta terça-feira (09/04), a PF deu cumprimento a um mandado de busca e apreensão pedido após investigações sobre a ocorrência de crimes de abuso sexual infanto-juvenil.
A ação de hoje, que integra a operação URUCUERA, é resultado de investigações que apontaram que um morador da cidade participaria de um grupo voltado ao compartilhamento de imagens ilícitas, com prejuízos para crianças e adolescentes. 
Com fortes indícios identificados na operação, a Justiça Federal expediu o mandado de busca e apreensão que foi cumprido hoje em uma residência na região da Vila A.
Durante as buscas, os policiais federais localizaram diversos arquivos com conteúdo de abuso sexual de menores nos dispositivos eletrônicos encontrados. Além dos arquivos, durante as buscas realizadas, ocultado no imóvel, foram ainda localizados três pacotes com grande quantidade de notas de real falsas. Foram identificadas centenas de notas de R$100 e ainda notas de R$200.
O morador foi preso em flagrante pelos crimes de armazenamento de imagens com abuso infanto-juvenil e nota falsa, sendo encaminhado para a Delegacia de Polícia Federal em Foz do Iguaçu para a lavratura de sua prisão e demais procedimentos judiciais referente ao cumprimento do mandado.
Esta é mais uma ação da PF visando coibir práticas relacionadas a abuso sexual infanto-juvenil na região da tríplice fronteira. Qualquer informação sobre tais ocorrências pode ser encaminhada para o Disque-Denúncia com garantia de anonimato e sigilo.

O nome da operação faz referência a coruja típica da região, capaz de identificar e alcançar seu alvo, mesmo em condições difíceis.

Disque-Denúncia
(45) 99116-8691 (telefone/WhatsApp)

Leia Também:

FONTE/CRÉDITOS: Assessoria PF
Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!