Universo da Notícia

Motorista morre após caminhão pegar fogo em praça de pedágio no Paraná

Acidente aconteceu na BR 277, em Balsa Nova, região metropolitana de Curitiba.

Imagem de capa
Foto: PRF
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Erro na Linha: #414 :: preg_replace_callback(): Requires argument 2, 'addBanner', to be a valid callback
/home/universodanotici/public_html/themes/news_2018/noticia.php

Um motorista de caminhão morreu na hora em um grave acidente na praça de pedágio de São Luiz do Purunã, na BR 277, em Balsa Nova, Região Metropolitana de Curitiba.

Ele bateu contra uma mureta da cabine de pedágio da concessionária que administra o trecho da rodovia e houve um incêndio no veículo, por volta das 17 horas deste domingo (21).

Sem controle, o caminhão bateu contra a cabine e as chamas começaram imediatamente. Várias pessoas pararam para ajudar com extintores, entretanto o fogo rapidamente destruiu o veículo.

O motorista não conseguiu escapar a tempo e morreu carbonizado, preso às ferragens. O Corpo de Bombeiros foi ao local apenas para fazer o trabalho de rescaldo.

O corpo do caminhoneiro foi recolhido ao IML (Instituto Médico Legal de Curitiba).
 
teste 3
  • COMPARTILHE

Motorista morre após caminhão pegar fogo em praça de pedágio no Paraná

22/02/2021 09:38


Um motorista de caminhão morreu na hora em um grave acidente na praça de pedágio de São Luiz do Purunã, na BR 277, em Balsa Nova, Região Metropolitana de Curitiba.

Ele bateu contra uma mureta da cabine de pedágio da concessionária que administra o trecho da rodovia e houve um incêndio no veículo, por volta das 17 horas deste domingo (21).

Sem controle, o caminhão bateu contra a cabine e as chamas começaram imediatamente. Várias pessoas pararam para ajudar com extintores, entretanto o fogo rapidamente destruiu o veículo.

O motorista não conseguiu escapar a tempo e morreu carbonizado, preso às ferragens. O Corpo de Bombeiros foi ao local apenas para fazer o trabalho de rescaldo.

O corpo do caminhoneiro foi recolhido ao IML (Instituto Médico Legal de Curitiba).
 

Publicidade