Universo da Notícia

Polícia faz operação de combate à crimes ambientais na fronteira com a Argentina

Foram navegados aproximadamente 59km.

Assessoria
teste

Durante toda esta quinta-feira (24), uma Força Tarefa formada por políciais federais de Foz do Iguaçu, pela Força Nacional e BPFron, realizou o patrulhamento fluvial ao longo do Rio Iguaçu e Rio Santo Antônio na fronteira com a Argentina, no entorno do perímetro do Parque Nacional do Iguaçu.

Como resultado das ações desta quinta-feira, foram navegados aproximadamente 59km do curso do Rio Iguaçu, onde foram localizadas 2 embarcações clandestinas de madeira, 9 Redes de Pesca, 2 Espinheis, 8 linhadas e uma armadilha de pesca, que estavam sendo utilizadas no período de proibição em razão da “Piracema”.

Essa é a terceira ação de combate a crimes ambientais realizada conjuntamente pela Polícia Federal, Força Nacional e BPFron nas ultimas três semanas, que resultaram na apreensão de redes de pesca, armadilhas, espinheis e na destruição de 15 embarcações clandestinas.

Fonte

Assessoria
  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

Polícia faz operação de combate à crimes ambientais na fronteira com a Argentina

Assessoria

Durante toda esta quinta-feira (24), uma Força Tarefa formada por políciais federais de Foz do Iguaçu, pela Força Nacional e BPFron, realizou o patrulhamento fluvial ao longo do Rio Iguaçu e Rio Santo Antônio na fronteira com a Argentina, no entorno do perímetro do Parque Nacional do Iguaçu.

Como resultado das ações desta quinta-feira, foram navegados aproximadamente 59km do curso do Rio Iguaçu, onde foram localizadas 2 embarcações clandestinas de madeira, 9 Redes de Pesca, 2 Espinheis, 8 linhadas e uma armadilha de pesca, que estavam sendo utilizadas no período de proibição em razão da “Piracema”.

Essa é a terceira ação de combate a crimes ambientais realizada conjuntamente pela Polícia Federal, Força Nacional e BPFron nas ultimas três semanas, que resultaram na apreensão de redes de pesca, armadilhas, espinheis e na destruição de 15 embarcações clandestinas.

Parceiros

Publicidade