Universo da Notícia

Futebol Internacional

Saídas e presença de Medina pesam para Inter avaliar sul-americanos no mercado

Colorado tem quatro jogadores que contam como estrangeiros e observa argentinos para reforçar o elenco.

Saídas e presença de Medina pesam para Inter avaliar sul-americanos no mercado
Alexander Medina, técnico do Inter — Foto: Ricardo Duarte/Inter
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O Inter está no mercado em busca de reforços. E a presença de Alexander Medina faz o clube intensificar o olhar para os sul-americanos.

O grupo tem atualmente quatro jogadores estrangeiros. Torneios nacionais permitem até cinco, o que faz a direção vasculhar o as opções por um novo gringo.

O Inter procura um lateral-direito, volante e dois pontas e tem alguns gringos no radar. Fabricio Bustos e Nahuel Tenaglia, laterais, e Andrés Cubas, volante, são alguns nomes citados. Os dois últimos com histórico de já ter trabalhado com o atual técnico colorado.

Na Argentina, a TyC Sports também citou uma investida do Inter por Ezequiel Barco, atualmente no Atlanta United. O conhecimento e as relações de Medina no mercado sul-americano são considerados trunfos pela direção.

– A comissão técnica nova será um atrativo para vários jogadores sul-americanos. Vamos ter vaga no nosso elenco para trabalhar nossas peças – comentou o executivo Paulo Bracks quando do anúncio de Medina.

Os estrangeiros do grupo de Cacique Medina são Bruno Méndez, Gabriel Mercado, Víctor Cuesta e Carlos Palacios. D’Alessandro está de volta, mas tem cidadania brasileira. O mesmo cenário aparece para Johnny, que nasceu nos Estados Unidos.

A brecha se abriu com algumas saídas, a última confirmada de Juan Manuel Cuesta, embora ele fosse pouco utilizado no grupo principal. Cuestinha, como era conhecido, pertence ao Independiente Medellín. O Colorado não exerceu a cláusula de compra, e o atacante retornou à Colômbia.

No fim do ano, Saravia já havia saído. O empréstimo do argentino encerrou, e o Porto não aceitava emprestá-lo novamente. O centroavante Guerrero já havia rescindido com o clube em outubro passado. O Inter chegou a ter sete estrangeiros durante 2021.

Paulo Bracks trabalha para reforçar o grupo do Inter — Foto: Ricardo Duarte/Divulgação, Internacional

Paulo Bracks trabalha para reforçar o grupo do Inter — Foto: Ricardo Duarte/Divulgação, Internacional

A direção, inclusive, tem até o meio do ano para decidir se comprará Bruno Méndez, que pertence ao Corinthians. Para adquiri-lo, o Colorado precisa comprar os 50% dos direitos econômicos dos paulistas.

Até o momento, a direção anunciou três reforços. Liziero, D’Alessandro e Wesley Moraes já desembarcaram no Beira-Rio.

Os gringos do Inter

  • Bruno Méndez - uruguaio
  • Carlos Palacios - chileno
  • D'Alessandro - argentino, mas com cidadania brasileira
  • Gabriel Mercado - argentino
  • Johnny - americano, mas com cidadania brasileira
  • Víctor Cuesta - argentino
FONTE/CRÉDITOS: GLOBO ESPORTE
Comentários:

Nossas notícias no celular

Receba as notícias do Universo da Notícia no seu app favorito de mensagens.

Telegram
Whatsapp
Entrar

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, responderemos assim que possível ; )